Vanderlei, goleiro do Santos (Foto: Ivan Storti/Santos FC)
Vanderlei, goleiro do Santos (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

Tem crédito! Vanderlei é o 3° goleiro com mais defesas difíceis no Brasileiro

Apesar da falha no terceiro gol no clássico contra o Palmeiras, no último sábado, Vanderlei tem feito um Campeonato Brasileiro bem convincente: ele é o terceiro goleiro com mais defesas difíceis na competição nacional. Até por conta disso, o erro no duelo diante do Verdão, assim como afirmou o próprio técnico Cuca, não muda em nada a confiança do elenco santista no camisa 1.

Em 32 jogos disputados com a camisa alvinegra no Brasileirão, o arqueiro fez um total de 44 intervenções complicadas – uma porcentagem de 1,38% por jogo. Éverson, que luta com o Ceará contra o rebaixamento, fez 62 defesas difíceis em 31 jogos – ou seja, duas por partida. O segundo goleiro na lista é Victor, do Atlético-MG, o maior concorrente do Santos na busca pelo G-6 de olho em uma vaga na Libertadores. Foram 55 defesas em 32 jogos. Os dados são do Centro de Estatísticas do GloboEsporte.com.

“Santos estava bem melhor que o Palmeiras, jogo nossa cara, se desenhando. Eles iam buscar o gol e nós tínhamos mais uma troca. A fatalidade nos tirou os três pontos, campo molhado, acabou traindo o Vanderlei. Nos salvou muitas vezes, tem crédito, são coisas que ocorrem”, disse Cuca no sábado.

Após o revés no clássico, muitos santistas se dividiram entre defender e criticar Vanderlei por conta da falha. Quem o defendeu, lembrou do bom histórico do camisa 1 nas últimas temporadas. Desde 2014 no Santos, ele nunca perdeu o status de titular e sempre foi homem de confiança dos treinadores que passaram pela Vila Belmiro. Quem o criticou, pediu uma chance a Vladimir, seu reserva imediato.

A falha também aconteceu em um período atípico na vida de Vanderlei no Alvinegro Praiano. Nos últimos dias, apesar de nota oficial desmentindo o rumor, o Santos recebeu sondagens do São Paulo pelo jogador de 34 anos. Uma negociação ao fim do Brasileiro não está descartada.

“Não conversei com ninguém, estamos cuidando do campo. Não temos conhecimento nenhum, mas não temos de ficar bravos. Temos de ficar felizes, é reconhecimento, tudo na vida é negociável dentro do futebol. O Vanderlei, na minha opinião, vale muito”, completou o treinador em entrevista recente.

Com 229 partidas, Vanderlei é o nono goleiro que mais atuou pelo Peixe, deixando para trás nomes como Zetti, Rafael Cabral e Edinho. Recentemente, ele fez história ao se tornar o goleiro que ficou mais tempo sem levar um único gol nos mais de 106 de existência do Santos.

Os cinco goleiros com mais defesas difíceis no Brasileirão:

Éverson – Ceará – 62 defesas em 31 jogos;
Victor – Atlético-MG – 55 defesas em 32 jogos;
Vanderlei – Santos – 44 defesas em 32 jogos;
Santos – Atlético-PR – 43 defesas em 28 jogos;
Magrão – Sport – 40 defesas em 24 jogos. 

Comentários

comentário