Jean Mota será titular contra o Ceará (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

Sem reservas na esquerda, Cuca barra possível saída de Jean Mota do Santos

Depois de liberar Emiliano Vecchio e David Braz para negociarem com equipes do exterior, o técnico Cuca barrou uma possível saída de Jean Mota nesta janela internacional de transferências. O jogador de 24 anos, de acordo com o próprio comandante, será titular na lateral esquerda contra o Ceará nesta quarta-feira (08), às 19h30, no Presidente Vargas, em jogo adiado da vigésima rodada do Campeonato Brasileiro.

Com Dodô suspenso pelo terceiro cartão amarelo, o comandante santista dará mais uma chance ao meio-campista na função. Jean Mota já atuou na esquerda nos últimos anos e, na maioria das vezes, foi bem e conseguiu ganhar uma grande sequência após a saída de Zeca, hoje no Internacional.

“Vejo com naturalidade (as saídas de Vecchio e David Braz), menos o Jean Mota, que é um substituto na lateral esquerda, não tem outro depois de perdermos o Dodô. É um jogador útil, não que os outros não sejam, mas vou utilizar mais, é polivalente”, disse Cuca após o empate do Santos diante do Botafogo.

Conforme adiantado pela Gazeta Esportiva, o atleta deseja sair e tem uma proposta de empréstimo de um time dos Emirados Árabes e aguarda por uma oferta do Borussia Monchengladbach-ALE. Além de Cuca, Ricardo Gomes e o presidente José Carlos Peres veem o jogador como versátil e polivalente.

Pelo Santos, Jean Mota tem 105 jogos e marcou quatro gols. Em 2018, com a falta de um camisa 10 no elenco, Jair Ventura, demitido recentemente, apostou no meia como este jogador, mas ele não encantou. Em 2018, disputou 36 jogos, marcou um gol e deu apenas duas assistências.

Comentários

comentário