Rodrygo foi um dos mais lúcidos do Santos contra o Novorizontino (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

Santos perde para o Novorizontino e vê Red Bull assumir liderança geral no Paulista

Sem muita inspiração, o Santos foi derrotado pelo Novorizontino por 1 a 0 na noite desta sexta-feira (15), no Pacaembu, em São Paulo, pela décima primeira rodada do Campeonato Paulista. Murilo Rodrigues, em belo lance de contra-ataque, marcou o único gol da partida no primeiro tempo.

Com o resultado inesperado, o Peixe, estacionado nos 23 pontos, perdeu a primeira colocação do grupo A (e o primeiro lugar geral do torneio) para o Red Bull, que venceu o São Bento nesta sexta-feira, e tem agora 24. A liderança da chave, que vale a oportunidade de decidir o segundo duelo das quartas de final dentro de casa, será decidida na rodada final da primeira fase.

Assim, o Santos se prepara para encarar o Botafogo-SP na próxima quarta-feira (20), às 20h30, no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto, pela décima segunda do Paulistão. O Red Bull, por sua vez, visita o Guarani, no estádio Brinco de Ouro, em Campinas.

A partida

O primeiro tempo entre Santos e Novorizontino não reservou grandes emoções ao torcedor presente no Pacaembu. A primeira grande chance do Peixe veio aos oito minutos, quando Rodrygo cruzou rasteiro e, com o gol aberto, Cueva finalizou, mas Matheus Sales tirou a bola em cima da linha. Minutos depois, Rodrygo e Cueva tabelaram dentro da área. No fim do lance, Rodrygo finalizou, mas Vagner fez bela defesa.

A partir daí, no entanto, o Alvinegro perdeu o ritmo e viu o Novorizontino marcar bem em cima. Aos 30 minutos, o castigo: Felipe Marque entortou Victor Ferraz pela esquerda e tocou para Murilo. O atacante passou fácil pela marcação, finalizou cruzado e surpreendeu o goleiro Vanderlei.

O segundo tempo começou e o Santos, sem mudanças no intervalo, continuou bem mal. A primeira oportunidade do Peixe nem foi tão boa assim. Aos oito minutos, Rodrygo encontrou Jean Mota na entrada da área. O meia dominou, ajeitou para a esquerda e chutou por cima do gol de Vagner. Aos 14, Diego Pituca aproveitou rebote na entrada da área e mandou a bomba por cima do gol do Novorizontino.

Aos 15 minutos, Jorge Sampaoli começou a mudar a equipe e fez as três alterações possíveis: Felippe Cardoso, Copete e Eduardo Sasha entraram nos lugares de Cueva, Soteldo e Rodrygo, respectivamente. Apesar dos atacantes em “excesso”, o Santos pouco conseguiu criar.

Na reta final, o confronto ficou bem aberto, com chances claras de gol para os dois lados, mas ninguém teve eficiência para marcar e o duelo acabou mesmo com a vitória do Novorizontino por 1 a 0.

FICHA TÉCNICA
Santos 0 x 1 Novorizontino

Data: 15 de março de 2019
Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)
Horário: 20h30 (de Brasília)
Arbitragem: Salim Fende Chavez
Assistentes: Neuza Ines Back e Evandro de Melo Lima
Público e renda: 10.079/R$ 215.767,00
Cartões amarelos: Novorizontino: Adilson Goiano, Jean Patrick e Matheus Sales. Santos: Diego Pituca

GOL:
Novorizontino: Murilo, aos 30 minutos do 1T.

SANTOS: Vanderlei, Victor Ferraz, Luiz Felipe, Aguilar e Felipe Jonatan; Diego Pituca, Carlos Sánchez e Cueva (Felippe Cardoso); Soteldo (Copete), Rodrygo (Eduardo Sasha) e Jean Mota
Técnico: Jorge Sampaoli

Comentários

comentário