Santos perdeu para a Chapecoense na Arena Condá (Foto: Ivan Storti/Santos FC)
Santos perdeu para a Chapecoense na Arena Condá (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

Sem chances matemáticas de título, Santos mira a vaga direta na Liberta

O Santos está oficialmente fora da briga pelo título do Campeonato Brasileiro. Com um desempenho de dar sono durante os 90 minutos, o Alvinegro Praiano foi presa fácil para a Chapecoense, que derrotou o rival por 2 a 0, na Arena Condá, pela trigésima quarta rodada da competição.

Com o revés, o Peixe caiu para o quarto lugar com 56 pontos, atrás de Grêmio e Palmeiras. Como o líder Corinthians chegou aos 68, o time da Vila até poderia igualar a pontuação, faltando quatro jogos para o término do Brasileiro. No entanto, não passaria o primeiro colocado em número de vitórias.

Sem qualquer chance de levantar o caneco, o elenco comandado por Elano agora terá foco total no G4, visando a classificação direta para a fase de grupos da Libertadores. Quem garante isso é o próprio comandante santista, que lamentou a segunda derrota seguida no torneio Nacional.

“Disputamos competições difíceis e temos méritos. Não dá para falar que está tudo errado. Ainda brigamos entre os primeiros. Quando se trata de duas derrotas, tem que abrir os olhos… O resultado é negativo. Criamos bastante no segundo tempo. Ficamos chateados e procurando coisas que deram errado. Claro que tem que melhorar. Quando se expõe, dá chances ao adversário. Já temos na quinta uma difícil missão contra o Bahia”, disse o treinador.

Com mais quatro compromissos pela frente, a equipe santista está a cinco pontos do Botafogo, atual sexto colocado, o primeiro time na zona de classificação para a pré-Libertadores, e a sete do Vasco, oitavo colocado – o primeiro adversário fora da zona dos classificados para o torneio continental.

“Vamos buscar a Libertadores. Temos condições. Estamos em 4º e podemos ir direto para a fase de grupos. Vamos erguer a cabeça contra o Bahia. Tivemos alguns erros no campeonato. Palmeiras, Santos, Flamengo e Grêmio. Essas quatro equipes disputaram competições em fases decisivas. Claro que o Corinthians tem méritos, mas disputou o Brasileiro inteiro”,  alertou o comandante em entrevista ao canal SporTV.

Depois do revés para a Chape, o Peixe não terá muito tempo para recolher os cacos pois visitará o Bahia em Salvador, na próxima quinta-feira (16), às 21h, na Arena Fonte Nova, pela trigésima quinta rodada do Brasileirão. Depois disso, ainda encara o Grêmio (C), Flamengo (F) e Avaí (C).

Sob supervisão de Gabriela Fernandes

Comentários

comentário