Marcelo Frazão, executivo de Comunicação e Marketing (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

Santos é indicado a três prêmios no “Melhores do Ano” da Máquina do Esporte

O Santos foi indicado a três prêmios na Máquina do Esporte – a primeira premiação aberta da indústria esportiva brasileira – para o “Melhores do Ano de 2018”. Para o Peixe, Marcelo Frazão concorre como melhor executivo, enquanto a segunda indicação é sobre o trabalho feito aos fãs na chegada de Jorge Sampaoli. A terceira é sobre a criação de conteúdo digital da “marca Santos”.

Ao todo são dez categorias: uma é destinada ao exterior (Case Internacional) e as outras são exclusivas para acontecimentos do mercado brasileiro: Atleta, Executivo, Evento Esportivo, Ação de Empresa de Mídia, Ativação de Patrocínio, Ação para o Fã, Ação no Digital, Ação Mais Ousada e Ação Social.

Nesta primeira fase de votação, serão escolhidos os três finalistas entre os cinco pré-selecionados em cada uma das categorias. As votações serão abertas no dia 10 de janeiro e os votos irão até 10 de fevereiro.

Veja os indicados por categoria:

Case Internacional: Compra do Valladolid por Ronaldo; Qatar Airways no Boca; Nike e Colin Kaepernick; Marca Jordan e PSG; Copa Davis e agência Kosmos.

Atleta: Gabriel Medina (surfe), Hugo Calderano (tênis de mesa), Isaquias Queiroz (canoagem), Ana Marcela Cunha (maratona aquática) e Etiene Medeiros (natação).

Executivo: Cesar Villares (Go4It), Ronaldo Nazário (Octagon), Álvaro Cotta (Liga Nacional de Basquete), Bruno Spindel (Flamengo) e Marcelo Frazão (Santos).

Evento Esportivo: Rio Open (tênis), Jogo das Estrelas do NBB (basquete), finais da Copa do Brasil (futebol), GP Brasil (fórmula 1) e Oi Rio Pro (surfe).

Ação de Empresa de Mídia: Reposicionamento da Turner, Entrada da DAZN, Venda direta do ESPN Watch, Streaming do Premiere e Facebook na Liga dos Campeões.

Ativação de Patrocínio: Heineken no GP do Brasil de Fórmula 1, Sofá da Sky no NBB e no vôlei, GOL e seleção brasileira, Bradesco no rúgbi e MRV no Flamengo.

Ação para o Fã: Centenário do Fortaleza, Realidade Virtual no Mogi Basquete, Ativação do Santos para a chegada de Jorge Sampaoli, Jogo em celebração à conquista da Tríplice Coroa de 2003 do Cruzeiro e Camisa de Ayrton Senna.

Ação Digital: Branded content do Santos, Final da Copa do Brasil, Magnus Futsal e Desimpedidos, Canal do Marcelo no YouTube e Streaming próprio do Palmeiras.

Ação mais ousada: Acordos de mídia do NBB, Quadra da Asics no Rio Open, Narradora da Lay’s na final da Liga dos Campeões, Goleiro do Atlético-PR usando celular durante o jogo e Jogo do All Blacks Maori no estádio do Morumbi.

Ação Social: “Respeita as Mina” e Corinthians, Cruzeiro e síndrome de down, Bahia e o Mês da Consciência Negra, Dia das Crianças do Rio Open e Clubes patrocinados pela Caixa no Dia Internacional da Pessoa com Deficiência.

Comentários

comentário