Rodrygo e Sampaoli em jogo do Santos (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

Sampaoli reclama de falta de instrução no caso Rodrygo antes de Santos x Ceará

O técnico Jorge Sampaoli não gostou nada de não poder contar com Rodrygo na vitória do Santos por 1 a 0 sobre o Ceará neste domingo (2), na Arena Castelão, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro.

O Menino da Vila foi convocado pela Seleção Olímpica para disputar o Torneio de Toulon, na França, mas não se apresentou. O atacante de 18 anos seguiu treinando normalmente e viajou à Fortaleza com a delegação, mas não ficou à disposição do treinador. Temendo punição por não ter recebido oficialmente a desconvocação do atacante, o Santos decidiu não escalá-lo.

“Não tivemos muita instrução do clube. Tivemos indefinição pela desconvocação ou não, então decidimos que não jogasse. Tivemos mensagens diferentes da diretoria sobre jogar ou não. Nos ajustamos ao regulamento. Viajou, mas não pôde jogar por causa de uma resposta que nunca chegou”, disse Sampaoli em entrevista coletiva.

O Peixe ainda tem mais três jogos antes da despedida de Rodrygo para o Real Madrid, mas ainda não sabe se poderá contar com o atacante. O Alvinegro espera uma liberação oficial da CBF nesta semana. São eles: dois contra o Atlético-MG, um pela Copa do Brasil e outro pelo Brasileirão, além de um clássico contra o Corinthians, última partida antes da parada para a Copa América.

Com o resultado positivo, Santos chegou aos 14 pontos e assumiu temporariamente a liderança do Brasileirão – o Palmeiras ainda joga neste domingo e pode voltar ao topo, uma vez que o STJD tirou os três pontos da vitória do Verdão sobre o Botafogo até o resultado do julgamento. Agora, o Peixe encara o Atlético-MG no domingo (9), às 19h, na Vila Belmiro, pela oitava rodada do torneio nacional.

Agora, porém, o Santos vira a chavinha e volta suas atenções para a Copa do Brasil. Na próxima quinta-feira (6), às 20h, no Pacaembu, o time de Jorge Sampaoli encara novamente o Atlético-MG, pela volta das oitavas de final da competição. Na ida, em Belo Horizonte, as equipes empataram por 0 a 0.

Comentários

comentário