Raniel, em treino do Cruzeiro (Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro)

Presidente do Cruzeiro diz que não negociará Raniel com o Santos

O presidente do Cruzeiro, Wagner Pires de Sá, afirmou que não pretende liberar o centroavante Raniel ao Santos. Nos últimos dias, o Peixe ofereceu 3 milhões de dólares (R$ 11 milhões) ao time mineiro pelo jogador de 22 anos, o que foi prontamente recusado pela diretoria rival.

Em entrevista à Rádio Itatiaia, de Belo Horizonte, o dirigente alegou que o jogador não está disponível para venda, uma vez que tem “um futuro brilhante” na Toca da Raposa.

“O Raniel é uma peça importante para o Cruzeiro. Não vamos dispor do Raniel. Ele tem um futuro brilhante”, disse o mandatário cruzeirense.

Raniel é o substituto imediato de Fred no ataque e já marcou três gols em cinco jogos em 2019, sendo o artilheiro da equipe. O contrato dele vai até o fim de 2022 e a multa contratual estipulada é de 100 milhões de dólares (R$ 370 milhões na cotação atual). A Raposa tem 65% dos direitos.

O interesse do Santos por Raniel começou quando o Cruzeiro tentou contratar o atacante Bruno Henrique. O Alvinegro chegou a pedir o cruzeirense como forma de pagamento, mas a diretoria mineira não aceitou. Depois disso, Bruno Henrique acabou indo para o Flamengo negociado por R$ 27 milhões.

Neste ano, o Santos contratou Soteldo, Felipe Aguilar, Cueva e Everson. Com Raniel distante, a expectativa é de que o time da Vila volte suas atenções para tentar contratar Alexandre Pato, atualmente na China

 

Comentários

comentário