Gabigol foi para o Flamengo (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

Pai de Gabigol garante que não foi procurado pelo Santos por renovação

Depois de terminar o ano de 2018 como o artilheiro do Santos no Campeonato Brasileiro, Gabigol não continuou no time da Vila Belmiro e, depois de se acertar com a Internazionale de Milão, dona de seus direitos econômicos, fechou com o Flamengo por empréstimo até o fim desta temporada.

E, segundo Valdemir, pai do ex-camisa 10 da Vila Belmiro, o Santos não fez propostas para continuar com o atacante em 2019. A fala vai de encontro ao que o presidente José Carlos Peres afirmou em mais de uma oportunidade no último ano – o dirigente, no entanto, sempre deixou claro que uma extensão de vínculo com o atacante seria difícil. No Rio de Janeiro, Gabigol receberá cerca de R$ 1,2 milhão de salário.

“Somos muito gratos ao Santos, é a nossa casa, onde o Gabriel cresceu e surgiu para o futebol. A escolha pelo Flamengo foi unânime. Tínhamos outras propostas, incluindo outros times do Brasil e também um da Inglaterra. Em momento algum o Santos nos procurou para discutir uma renovação. Buscamos o melhor ao Gabriel”, contou Valdemir.

Gabriel foi anunciado como reforço do Flamengo nesta sexta-feira (11), mas não esqueceu de agradecer o time do Santos por acreditar mais uma vez em seu potencial. Além da artilharia no Brasileirão, com 18 gols, ele também fechou a Copa do Brasil de 2018 como um dos goleadores, com quatro tentos.

“O ano de 2018 foi excepcional para mim, só faltaram os títulos. Devo tudo ao Santos! Derramei todas as gotas de suor que pude jogo a jogo e tenho certeza que dei meu melhor para o time. Agora começarei a escrever uma nova história, mas o Santos sempre estará no meu coração”, emendou.

Comentários

comentário