Cuca e Gabigol vêm comandando a reação do Santos no Brasileiro (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

No primeiro clássico de Cuca, Santos recebe o São Paulo de olho no G-6 do Brasileiro

Sem perder há oito jogos, o embalado Santos volta a campo neste domingo (16), às 16h, contra o São Paulo, na Vila Belmiro, em jogo válido pela vigésima quinta rodada do Campeonato Brasileiro. O Peixe é o oitavo colocado, com 31 pontos, e busca o G-6 do torneio nacional de olho na Libertadores de 2019.

Para o clássico, o técnico Cuca relacionou, pela primeira vez, o atacante Felippe Cardoso. Último reforço do Santos neste segundo semestre, o jogador de 19 anos começará o duelo no banco de reservas, mas pode ganhar alguns minutos em campo no segundo tempo.

Com Carlos Sánchez recuperado de lesão muscular na coxa, Bryan Ruiz, que iniciou entre os titulares na vitória sobre o Paraná, volta a ser opção no banco. Já o sistema ofensivo, a maior incógnita da semana, será formado por Bruno Henrique, Rodrygo e Gabigol, artilheiro do Brasileirão, com 12 gols.

Na defesa, com Lucas Veríssimo ainda se recuperado de problema muscular, Robson Bambu e Gustavo Henrique devem formar a dupla de zagueiros. Luiz Felipe é a outra opção. Vale lembrar que, se não sofrer gols no San-São, o time de Cuca será o que ficou mais tempo sem levar gols na história do Santos. Com sete jogos sem ser vazado, o Alvinegro Praiano está empatado com o elenco do distante ano de 1955.

“Esse feito é importante. A gente tem melhorado bastante neste último período. Óbvio que é uma melhora não só da defesa neste aspecto, mas do time todo. Esperamos continuar assim. Sabemos que não vamos ficar sem sofrer gols até o final do campeonato, mas quanto mais pudermos adiar este gol sofrido, melhor será. A nossa comunicação melhorou bastante e este é um dos motivos da nossa melhora. Além disso, a sorte tem colaborado com a gente. Às vezes tomávamos um chute indefensável de 30 metros e a bola entrava. Mas, nesse momento, a bola bate na trave e vai para fora. Temos que aproveitar essa maré boa e somar o maior número de pontos possíveis”, disse o lateral-esquerdo Dodô.

Assim, um provável Santos é: Vanderlei; Victor Ferraz, Robson Bambu, Gustavo Henrique e Dodô; Alison, Diego Pituca e Carlos Sánchez; Bruno Henrique, Rodrygo e Gabigol.

O Peixe venceu o rival por 3 a 2 no último encontro na Vila, com hat-trick do colombiano Copete, hoje reserva. A partida foi realizada no dia 9 de julho do ano passado, também pelo Brasileirão. O clássico San-São já foi realizado no estádio santista 105 vezes e o Alvinegro leva vantagem jogando em casa, com 47 vitórias, 25 empates e 33 derrotas, além de 179 gols marcados e 154 sofridos.

FICHA TÉCNICA
SANTOS X SÃO PAULO

Local: Vila Belmiro, em Santos (SP)
Data: 16 de setembro de 2018, domingo
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (MG) e Sidmar Meurer (MG)

SANTOS: Vanderlei; Victor Ferraz, Robson Bambu, Gustavo Henrique e Dodô; Alison, Diego Pituca e Carlos Sánchez; Bruno Henrique, Rodrygo e Gabigol
Técnico: Cuca

SÃO PAULO: Sidão; Hudson (Araruna), Bruno Alves, Anderson Martins e Reinaldo; Jucilei, Liziero (Hudson) e Nenê; Joao Rojas, Diego Souza e Everton
Técnico: Diego Aguirre

Comentários

comentário