William Machado e Jair Ventura no CT Rei Pelé (Foto: Ivan Storti/Santos FC)
William Machado e Jair Ventura no CT Rei Pelé (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

Mesmo sem vencer há quatro jogos, diretoria defende Jair: “Respaldo total”

Sem vencer há quatro partidas, o Santos tem colecionado momentos de oscilação e já começa cada vez mais a ter a desconfiança de seu torcedor. No entanto, de acordo com a diretoria santista, nada que abale o trabalho de Jair Ventura, que assumiu o comando técnico do Peixe em janeiro.

Em evento na Federação Paulista, o gerente de futebol, William Machado, afirmou que pensar em uma troca de treinador neste momento da temporada não seria uma decisão inteligente. Entretanto, o cartola disse também que não pode garantir a continuidade do comandante até o fim de 2018.

“Não dá para fazer promessa nenhuma. Mas, dentro do meu conhecimento do futebol, é um trabalho inicial. O Jair pegou um grupo, uma nova gestão, está implementando seu modelo de jogo, faltam umas peças. Sabemos a dificuldade financeira também. Não podemos colocar o técnico como questão principal. O time está evoluindo, estamos vendo o crescimento. A gente tende a imaginar que com seis meses os atletas começam a ter os conceitos mais assimilados. E vamos ter evolução maior. Falar em qualquer possibilidade de insegurança do técnico agora seria criminoso”, disse William.

“(O Jair tem) respaldo total. A gente não pensa jogo a jogo. A gente tem de pensar em temporada. Sabemos o desgaste que os jogadores estão tendo em um calendário apertado de Copa do Mundo. Precisamos conhecer os jovens, nada melhor do que os jogos. Não montamos a equipe pensando em perder, teve uma cobrança muito forte em cima dos atletas. Sabemos que o desempenho poderia ter sido melhor, mas entendemos que é uma equipe sem entrosamento”, pontuou.

Depois de terminar em primeiro lugar no grupo do Campeonato Paulista, o elenco de Jair Ventura busca recuperar a boa fase contra o Nacional-URU nesta quinta-feira (15), às 19h15, no Pacaembu, pela segunda rodada da Libertadores. Será o primeiro jogo do Peixe como mandante na competição.

Como poupou todos os titulares na derrota para o São Bento, o Alvinegro Praiano recebe o rival uruguaio bem descansado. A provável escalação tem: Vanderlei; Daniel Guedes, Lucas Veríssimo, David Braz e Jean Mota; Alison; Eduardo Sasha, Léo Cittadini, Vecchio e Rodrygo; Gabigol.

Comentários

comentário