Felippe Cardoso ao lado de Cuca e Gabigol no CT (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

Liberado, Felippe Cardoso faz primeiro treino com o Santos no CT Rei Pelé

Felippe Cardoso fez o primeiro treino como jogador do Santos na tarde desta quarta-feira (12), no CT Rei Pelé, onde o elenco santista se reapresentou visando o clássico contra o São Paulo, no domingo (16), às 16h, na Vila Belmiro, pela vigésima quinta rodada do Campeonato Brasileiro.

O atacante se recuperava de uma lesão no púbis no departamento médico e não entra em campo desde 19 de maio, em jogo da Ponte Preta contra o Atlético-GO, pela sexta rodada da Série B. Ele disputou 22 partidas na temporada, com quatro gols marcados pela equipe campineira.

Ainda não se sabe se o atacante terá condições de atuar no clássico San-São, uma vez que ainda precisa se recuperar fisicamente. Se não tiver, a tendência é de que ele seja ao menos relacionado para o duelo contra o Cruzeiro, no dia 23, às 19h, no Mineirão, pela vigésima sexta rodada.

O Santos desembolsará aproximadamente R$ 3 milhões para adquirir os 60% dos valores econômicos pertencentes à Ponte Preta. Antes disso acontecer, no entanto, ele ficará emprestado até janeiro ao Santos. A Macaca receberá o pagamento parcelado neste período e só depois repassará a porcentagem ao Alvinegro. Essa condição foi uma forma que o time santista encontrou para conseguir inscrever o atleta no último dia de inscrições no Brasileiro. Os outros 40% continuam com o Osvaldo Cruz, ex-time do jogador. Os salários do atleta giram em torno de R$ 75 mil mensais e o vínculo será de cinco temporadas.

Este ano, o Santos contratou no primeiro semestre Dodô, Eduardo Sasha, Gabigol. Na segunda parte da temporada, o Peixe fechou com Carlos Sánchez, Bryan Ruiz e Derlis González. Todos eles, com a exceção de Bryan, agradaram a torcida alvinegra e o técnico Cuca.

Comentários

comentário