Jair Ventura, técnico do Santos (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

Em Itaquera, Santos encara o Corinthians em busca de paz na temporada

É dia de clássico, torcedor santista! Depois de respirar aliviado com a goleada por 5 a 2 sobre o Vitória, no último domingo, na Vila Belmiro, o Santos volta a campo nesta quarta-feira (06), às 21h, contra o Corinthians, em Itaquera, pela décima rodada do Campeonato Brasileiro.

Para o duelo, o comandante terá o retorno de Bruno Henrique, recuperado de trauma na bacia. O camisa 11, longe da condição física ideal, deve iniciar o confronto no banco de reservas. O técnico Jair Ventura vai escalar o mesmo time da última partida, com Diego Pituca, Renato e Jean Mota no meio-campo.

Em contrapartida, Alison (lesão no joelho), Vitor Bueno e Arthur Gomes (entorse no tornozelo), Yuri Alberto (luxação no ombro), Vecchio (dores no joelho) e Daniel Guedes (conjuntivite) continuam entregues ao Departamento Médico. Destes, apenas Arthur tinha chances mínimas de ser relacionado.

Com isso, o time santista deve ir a campo com a seguinte escalação: Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, David Braz e Dodô; Diego Pituca, Renato e Jean Mota; Eduardo Sasha, Gabigol e Rodrygo.

Contra o rival, Jair terá de fazer o Peixe quebrar um incômodo jejum que já dura dois meses: a última vitória do Santos fora de casa aconteceu diante do Estudiantes, no dia 5 de abril, na Argentina, pela Libertadores. Desde então, o Peixe soma sete derrotas em sete partidas.

Para piorar, o Alvinegro só venceu o rival em Itaquera em apenas uma oportunidade. No último duelo entre os rivais no local, no dia 3 de junho de 2017, o Corinthians derrotou o adversário por 2 a 0, com gols dos atacantes Romero e Jô. E a derrota no clássico definiu a demissão do técnico Dorival Júnior, que não aguentou o início ruim do time santista no torneio.

Agora, em um momento bem parecido ao que viveu Dorival, Jair Ventura tenta se manter no comando técnico com mais uma vitória. Uma derrota por um placar extenso pode selar a demissão do comandante. Um empate ou um resultado negativo considerado simples deve mantê-lo no cargo.

“Clássico é muito importante, peso é maior. E a vitória é obrigação na vida do treinador. Não fizemos mais do que a obrigação antes (contra o Vitória). E temos que continuar fazendo a obrigação. Corinthians é um time que joga em casa, com trabalho definido desde a Era Mano e Tite. O Santos tem sua força e vamos em busca da vitória”, disse o técnico Jair Ventura em entrevista coletiva.

Ficha Técnica:

Corinthians x Santos

Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Data: 6 de junho de 2018, quarta-feira
Horário: 21h (de Brasília)
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (Fifa-MG)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (Fifa-MG) e Rodrigo Corrêa (Fifa-RJ)

CORINTHIANS: Walter; Mantuan, Balbuena, Henrique e Sidcley; Gabriel e Maycon; Pedrinho, Jadson, Rodriguinho e Romero
Técnico: Osmar Loss

SANTOS: Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, David Braz e Dodô; Diego Pituca, Renato e Jean Mota; Gabriel, Eduardo Sasha e Rodrygo
Técnico: Jair Ventura

Comentários

comentário