Sasha virou peça importante no Santos (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

De renegado a titular, Sasha supre ausência de 9 no início do Brasileirão

O Santos continua no mercado buscando suprir um grande pedido do técnico Jorge Sampaoli para a sequência da temporada: um camisa 9 de ofício. No entanto, enquanto a solução não chega ao elenco, o treinador parece ter encontrado uma alternativa caseira: Eduardo Sasha.

Titular e autor de dois gols nas partidas contra Grêmio e Fluminense, ambas válidas pelo Campeonato Brasileiro, o atacante parece, aos poucos, dar a volta por cima no Santos. Os dois tentos, inclusive, foram em lance de extremo oportunismo, como um bom centroavante.

Em Porto Alegre, o camisa 27 recebeu passe de cabeça de Jean Lucas e, dentro da área, tocou por cima de Paulo Victor com categoria. Na Vila Belmiro, o jogador mostrou atenção para aproveitar sobra de bola e abrir o placar diante do Fluminense. No segundo gol da vitória sobre o Tricolor Carioca, ele fez o “pivô” antes da bomba de Diego Pituca na trave e o rebote certeiro de Carlos Sánchez para o gol.

Sasha também tem sido importante para apertar o time adversário na saída de bola. Como a marcação do time de Sampaoli é alta na maioria das vezes, o jogador tem a responsabilidade de marcar os zagueiros e forçá-los a dar o “chutão” para frente. Assim, o Santos pode recuperar mais rápido a bola.

“Sasha teve dois grandes jogos. Vinha treinando bem, custou um pouco no começo a forma de treinar e entender o jogo de posse, mas hoje nos dá muita satisfação. Mais do que o gol, nos coloca de frente, é generoso, pressiona. Nos ajuda muito”, disse Sampaoli em entrevista recente.

No início da temporada, Sampaoli deixou claro publicamente que o jogador não se encaixava em seu estilo de jogo e o liberou para encontrar um caminho fora da Vila Belmiro. Ele sequer foi inscrito para a disputa do Campeonato Paulista. No entanto, até por conta da falta de um camisa 9, o argentino voltou atrás de sua decisão e passou a dar mais chances ao comandado recentemente.

Com os dois gols, Sasha é o artilheiro depois de duas rodadas ao lado de Ricardo Bueno (Ceará), Arthur Caike (Bahia), Bruno Henrique (Flamengo), Zé Rafael (Palmeiras) e Everaldo (Chapecoense).

A próxima oportunidade do santista no time titular será no duelo contra o CSA neste domingo (5), às 16h, no estádio Rei Pelé, em Alagoas, pela terceira rodada do Brasileirão.

Comentários

comentário