Gabigol marcou três vees sobre o Luverdense (Sérgio Barzaghi / Gazeta Press)

Com hat-trick de Gabigol, Santos goleia Luverdense e abre vantagem na Copa do Brasil

Nada como uma ótima vitória para “apagar” a goleada marcante sofrida para o Grêmio no último fim de semana. Nesta quinta-feira (10), em uma Vila Belmiro que recebeu pouco mais de três mil pessoas, o Peixe bateu o Luverdense por 5 a 1, pela partida de ida das oitavas de final da Copa do Brasil.

No primeiro tempo, o time santista teve dificuldades, saiu atrás do placar, mas empatou com Gabriel, um dos mais criticados até aquele momento. Na etapa final, precisando do resultado, o Santos conseguiu furar a zaga rival para marcar com Gustavo Henrique, Yuri Alberto e Gabigol mais duas vezes.

Com o resultado, o Alvinegro precisa apenas de um empate – ou ainda pode perder por três gols de diferença – contra o Luverdense para garantir vaga no duelo da volta, marcado para a próxima quinta-feira (17), às 19h15, no estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde, no estado do Mato Grosso.

Agora, porém, o Peixe volta suas atenções para o Campeonato Brasileiro. No próximo domingo (13), às 19h, na Vila, o time santista recebe o lanterna Paraná, em duelo pela quinta rodada da competição. Após a goleada para o Grêmio, uma vitória em casa é fundamental para uma reabilitação.

A partida

O primeiro tempo na Vila Belmiro começou eletrizante, com boas chances de gol para os dois lados. Logo aos quatro minutos, Jean Mota finalizou de longe e o goleiro do Luverdense fez ótima defesa. Mas, para a decepção dos santistas, quem abriu o placar foi o time do Mato Grosso.

Aos 10 minutos, mesmo muito inferior aos donos da casa, os visitantes não tiveram medo e se lançaram ao ataque. O lateral-direito Itaqui bateu falta pelo lado direito, de muito longe, direto para o gol. Vanderlei pulou e bateu na bola, mas ela entrou em seu canto esquerdo.

Sem se abater, o Alvinegro Praiano continuou no ataque. Aos 13 minutos, Jean Mota cruzou e Gustavo Henrique cabeceou firme. O goleiro Diogo Silva, porém, espalmou para escanteio. Na sequência, Jean Mota cruzou, a bola passou por todos os jogadores e Gustavo Henrique finalizou quase dentro da pequena área. Sem intimidade com as redes, o zagueiro isolou.

Precisando do resultado, o time comandado por Jair Ventura continuou propondo o jogo. Aos 21, Alison cruzou e Eduardo Sasha mergulhou de peixinho para cabecear. O goleiro do Luverdense fez uma defesa monumental para evitar o gol. Aos 24, no entanto, ele nada pôde fazer quando Victor Ferraz cruzou pela direita e Gabriel apareceu dentro da área para cabecear e fazer o gol de empate.

Apesar do pouco repertório técnico, o Luverdense não se amedrontou após sofrer o gol. Aos 34, Élton finalizou de muito longe e assustou a meta de Vanderlei. Aos 43, Diogo Sodré recebeu na entrada da área e finalizou, mas o goleiro santista fez a defesa. Depois, em contra-ataque de quatro contra três, Paulo Renê driblou Lucas Veríssimo e finalizou cruzado. Em dois tempos, o camisa 1 do Peixe interviu.

O segundo tempo continuou movimentado. Aos cinco, Jean Mota bateu falta quase no ângulo esquerdo da meta do Luverdense, mas Diogo Silva evitou o segundo gol. Em contra-ataque rápido dos visitantes, Lucas Braga soltou uma bomba de fora da área e a bola passou muito perto do gol de Vanderlei.

Aos 13 minutos, Gustavo Henrique completou cruzamento de Vitor Bueno em falta pelo lado direito e virou para o Santos. Aos 17, o time da Vila ampliou. Sasha iniciou contra-ataque com bom passe para Rodrygo. O atacante avançou pela esquerda, driblou um adversário e finalizou forte, mas Diogo Silva deu o rebote. Na sobra, Gabriel aproveitou e colocou a bola para o fundo das redes.

Sem dar chances ao adversário, o Peixe marcou o quarto em seguida. Aos 22 minutos, Sasha enfiou bom passe pelo lado direito, Victor Feraz foi ao fundo e cruzou para Gabriel, de letra, colocar para dentro. Aos 40, o Peixe fechou a goleada quando Arthur Gomes tocou na linha de fundo pelo lado esquerdo, Rodrygo cruzou e Yuri Alberto, que havia acabado de substituir Sasha, mandou para o gol.

FICHA TÉCNICA
Santos  5 x 1 Luverdense

Local: Vila Belmiro, em Santos
Data: 10 de maio de 2018
Horário: 21h45 (de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Assistentes: Michael Correia e Thiago Henrique Neto Correa Farinha (RJ)
Público e renda: 3.590/R$ 90.725,00
Cartões amarelos: SANTOS: Gabigol e Alison. LUVERDENSE: Paulinho, Rafael Silva e Moisés..

GOLS:
Santos: Gabigol, aos 24 do 1T, 17 e 22 do 2T; Gustavo Henrique e Yuri Alberto, aos 13 e 40 do 2T
Luverdense: Itaqui, aos 11 do 1T

SANTOS: Vanderlei, Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, Gustavo Henrique e Dodô; Alison (Yuri), Jean Mota e Vitor Bueno; Gabigol, Rodrygo e Eduardo Sasha (Yuri Alberto)
Técnico: Jair Ventura

LUVERDENSE: Diogo Silva; Itaqui, Kaique, André Ribeiro e Paulinho; Diogo Sodré, Moisés e Elton (Rubinho); Lucas Braga (Adriano), Rafael Silva e Paulo Renê (Ariel)
Técnico: Luizinho Vieira

Comentários

comentário