Yuri Alberto marcou o primeiro gol na Vila como profissional (Foto: Divulgação / Santos FC)

Com a confiança de Jair, Yuri Alberto comemora primeiro gol na Vila: “Sonho realizado”

A goleada do Santos sobre o Luverdense por 5 a 1 nessa quinta-feira (10), na Vila Belmiro, pela ida das oitavas de final da Copa do Brasil, teve um gostinho especial para um jogador: Yuri Alberto. O atacante de 17 anos, que não foi liberado pelo técnico Jair Ventura para servir à Seleção Brasileira sub-20, foi coroado com o seu primeiro gol no estádio santista e ajudou o Peixe a definir o ótimo resultado.

Durante a partida, na primeira bola que recebeu na grande área, o garoto mostrou a todos que a decisão do comandante santista foi acertada. Aos 40 minutos, logo depois de substituir Eduardo Sasha, ele aproveitou um belo cruzamento rasteiro de Rodrygo, seu amigo desde a base, para marcar.

“Não sabia nem o que fazer. Imaginei, sonhei e pensei muito nesse momento, já que há poucos meses eu estava vendo os jogos da arquibancada. Mas a felicidade é única e impossível de descrever. É mais um sonho realizado em minha vida. Que felicidade marcar um gol na Vila e diante dos olhos de minha família. Espero que esse seja o primeiro de muitos gols em nosso alçapão”, disse Yuri Alberto.

Ao lado de Rodrygo, o atacante foi promovido no fim da última temporada por Elano, técnico interino naquele momento, mas só teve chances de fato neste ano. Ele participou de cinco jogos, marcou dois gols e sabe que, para conseguir ganhar sequência, precisa mostrar diariamente o seu valor.

“Tenho trabalhado diariamente e buscado meu espaço. Sei da concorrência que há em nosso ataque e, por isso, quando tenho tido oportunidades, busco dar o meu máximo e pôr em prática todos os conselhos que venho recebendo da Comissão Técnica e dos jogadores mais experientes. Marcar na Vila Belmiro me dá ainda mais confiança de que estou no caminho certo e que posso crescer muito ainda em minha carreira”, complementou o centroavante, que foi elogiado por Jair Ventura.

Com a possibilidade de o Santos poupar jogadores no duelo da volta contra o Luverdense, a expectativa é de que o atleta ganhe chance na próxima quinta-feira (17), às 19h15, no estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde, no estado do Mato Grosso. O Peixe pode perder por até três gols de diferença.

Comentários

comentário