Rodrygo terá mais um semestre com o Santos antes de ir para o Real (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

Após derrota, Rodrygo valoriza permanência do Santos na Série A: “Objetivo principal”

Rodrygo valorizou a permanência do Santos na Série A após um começo muito ruim no Campeonato Brasileiro e de luta contra o rebaixamento. O time santista encerrou sua participação na temporada na derrota por 2 a 1 para o Sport neste domingo (02), na Ilha do retiro, em Recife.

O atacante relembrou o início ruim da equipe no Brasileirão e acredita que as vitórias em sequência após a chegada de Cuca criaram uma expectativa boa ao torcedor santista. Mas, segundo ele, o objetivo principal era de não cair e o G-6 seria apenas uma consequência positiva.

“Começamos o campeonato mal, primeiro objetivo era não cair. Com Cuca, arrancamos, ficamos perto da zona e criou-se expectativa de Libertadores. Contra a Chapecoense, um jogo principal, ficamos fora… Se pararmos para pensar, era uma competição fora dos planos no começo, mas não poderíamos falar de rebaixamento, mas esse era o principal objetivo”, disse o jogador, que marcou o gol do Peixe contra o Sport.

Vendido ao Real Madrid no início deste segundo semestre, Rodrygo terá mais um semestre no Santos antes de se apresentar ao novo time em julho. Ele terminou a primeira temporada completa como profissional com 12 gols, quatro assistências e boas performances na primeira metade do ano.

Agora, o Santos entra de férias e só se reapresenta para a temporada 2019 no dia 2 de janeiro. No ano que vem, com um novo técnico – Cuca dará uma pausa na carreira por problemas cardíacos -, o Alvinegro terá, além da Sul-Americana, o Paulistão, a Copa do Brasil e o Brasileirão para disputar.

Comentários

comentário