Gustavo Henrique, zagueiro do Santos (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

Novela Gustavo Henrique prossegue!

Novela Gustavo Henrique prossegue!

Repito: Peres é um leão na defesa do Santos em relação aos meninos da Base.

Em relação aos medalhões não.

Se o Peres fosse o mesmo leão na defesa do Santos em relação aos medalhões, hoje o Santos não teria uma inflacionada Folha de Pagamento!

Bryan, Cueva, Uribe, Pará(se possível reduzir salários)…

Perder um zagueiro, bom, titular, é um pecado mortal contra o Santos.

Não bastou essa Administração ter perdido Bambu, de graça?

Não bastou ter deixado sair, de graça , Cittadini?

Não bastou  ter deixado o terceiro reserva do flamengo usar, como vitrine, a Sagrada Camisa, aparecer, e sair sem o Santos nada receber?

Não bastou ter vendido o passe de Bruno Henrique em suaves prestações?

Não bastou ter adquirido por uma fortuna, 50% do passe de Uribe?

E o Santos vai perder Gustavo Henrique?

E não se compara Gustavo Henrique com Lucas Lima!

Lá a administração Modesto  quis renovar desde agosto do ano anterior, e o atleta foi enrolando.

Aqui, percebe-se que o presidente só começou a conversar neste ano.

Em 22 de  fevereiro escrevi  um post aqui no Santista Roxo cobrando: Gustavo Henrique: quando renovará?

Li uma publicação por aí que o contrato de Gustavo Henrique findará em 31 de janeiro de 2020.

E até agora há um silêncio sideral da Diretoria.

Vai esperar os seis meses fatais para  começar a se movimentar?

Hoje o valor da multa é: 2. 500 milhões de euros.

Valor pífio para o futebol de Gustavo Henrique.

O atleta pode  pode firmar um pré-contrato já em julho de 2019.

O Santos vai esperar os seis meses fatais e entrar em leilão?

E o  jogador vai para onde pagar mais.
A direção do futebol não é para aqueles que dormem .
Dormiu?
Dançou!

Modesto Roma, a quem sempre enderecei críticas, procurou um atleta mais de um ano para renovar.

O atleta não quis.

Mas, a Diretoria tentou: transcrevo os post do passado…

Renovação do contrato de Lucas Lima, publicado em 9 de novembro de 2016.

Não bastam os atletas da Base sendo dispensados?

 

A Diretoria deve protestar contra o VAR!

Inadmissível o VAR roubar o Santos e nada ver em relação ao time do Rio.,

Não foi a primeira vez que o VAR, ou quem  trabalha com ele, age para prejudicar o Santos, como na expulsão de Evandro.

Jogada idêntica no primeiro tempo de jogo, e houve um silêncio obsequioso, porque o atleta era do Vasco.

E neste domingo, o Var não viu impedimento do atacante do flamengo.

 

Efemérides do

Dia 7 de outubro

a) 3761 a. C, primeiro dia da Era Judaica;

b) 1462 O papa Pio II edita uma bula condenando a escravidão.

c) 1727 Fundação da cidade de Pirenópolis, Goiás. Parabéns aos santásticos e munícipes.

d) 1882 Fundação de Varginha, MG. Parabéns aos santásticos e munícipes.

e) 1971 Henrique Mecking, o Mequinho, se tornou o primeiro brasileiro a vencer o

Torneio Internacional de Xadrez aos dezenove anos.

Em 1977 foi o terceiro colocado no ranking mundial de xadrez.

Liturgia católica

Nossa Senhora do Rosário

e

Santa Osita

séc.VII

Comentários

comentário